Candidatura de Cabral Ferreira
Candidatura de Cabral Ferreira ao Clube de Futebol «Os Belenenses»

abril 08, 2005

Mensagem de Humberto Azevedo

Porque voto Lista B ?

Com quatro versos apenas
Faço isto à minha maneira
Optei em votar B
Do senhor Cabral Ferreira

Sou o sócio mais antigo
Isto não é brincadeira
Sei o que quero para o Belenenses
Vou votar Cabral Ferreira

Humberto Azevedo
Sócio nº 9 e actualmente o sócio mais antigo do Clube de Futebol «Os Belenenses»

Carta de Vítor Serpa

Carta enviada a Cabral Ferreira e lida públicamente durante o jantar de encerramento da campanha eleitoral:

«Meu caro
José Cabral Ferreira

A responsabilidade do cargo que desempenho como director do mais prestigiado jornal desportivo nacional, não podia ser compatível com outra atitude, que não fosse a da observância da mais rigorosa igualdade de oportunidades aos dois candidatos à presidência do Clube de Futebol " Os Belenenses".

Julgo que cumpri, de forma inquestionável, essa obrigação e esse dever.

Mas seria, a meu ver, injustificável que ao cidadão, política, social e desportivamente livre, que é o Vítor Serpa, não lhe fosse permitida uma posição activa na intervenção de cidadania, que também é participar na discussão da vida associativa do clube do qual é sócio, efectivo e afectivo, há mais de 53 anos.

Pior ainda - e isso seria, de todo, imperdoável - que o cidadão Vítor Serpa evitasse oferecer o seu testemunho público do mais nobre caracter e da mais elogiável cultura humanista do seu amigo de longa data, José Cabral Ferreira.

O mesmo amigo que tão bem sabe que a minha relação com o Belenenses, sobretudo desde que passei a exercer funções de jornalista na área do desporto (e já lá vão 30 anos) sempre foi mais íntima do que pública.

Sei também que aqueles que me conhecem e reconhecem nas fortes raizes familiares de todos os Serpas com Belém e com o Belenenses nunca estranhariam o prepositado empenho em nunca misturar a devoção com a função.

Pois bem, dito isto, e ainda com a garantia de que o jornalista e o director de jornal nem por um sólido amigo alguma vez sentirá a tentação de se desviar dos seus conceitos quanto aos deveres da sua função profissional, sinto-me livre para afirmar a minha mais forte esperança de que o povo belenense escolha, neste dia 9, José Cabral Ferreira para seu presidente.

Tenho a mais profunda convicção de que essa escolha irá corresponder a um mandato capaz de tornar o Belenenses maior, mais forte, mais moderno, mais prestigiado e, não menos importante, mais invulgar, pela natureza da massa associativa do Belenenses e, também, pela notável dimensão humana de José Cabral Ferreira.

Um abraço
do Vítor Serpa»


Vitor Serpa
Sócio do Belenenses
Jornalista e Director do diário desportivo «A Bola»

Texto de Alexandre Pais ( in Record )

«(...)Milagre 2. Depois da gestão vitoriosa de Mário Rosa Freire, o Belenenses, dirigido ora por homens competentes, ora por almas bem intencionadas mas com pouco jeito para a função, conheceu dias difíceis que podiam ter acabado com o clube. Esse susto só foi banido de vez com a dedicação e o empenho das equipas que tiveram em Ramos Lopes e Sequeira Nunes os rostos visíveis, e que legam à nova direcção um trabalho notável que se torna indispensável prosseguir. E por muita consideração que me mereça, e merece, a candidatura de Mendes Palitos, no sábado vou votar na continuidade do que funcionou bem – vou votar Cabral Ferreira.»

Texto publicado na edição de 6 de Abril de 2005 do diário desportivo Record

Alexandre Pais
Sócio do Belenenses
Jornalista e Director do «Record»

Powered by 

Blogger